Monthly Archive

For maio, 2016

Pamela

Samuel Richardson nasceu em Derbyshire em 1689. Ele era filho de um marceneiro e em 1706, mesmo com pouca escolaridade, tornou-se aprendiz de tipógrafo em Londres. Um tempo depois Richardson abriu sProcessed with VSCO with e5 presetua própria loja de tipografia e veio a tornar-se uma das figuras mais proeminentes no ramo. Porém, Samuel Richardson ficou conhecido mesmo por seus três romances, Pamela, Clarissa e A História de Sir Charles Grandison.

Pamela e Clarissa são as obras que mais possuem tradução para outros idiomas. Quando lançado em 1970, Pamela se tornou um sucesso de vendas, porém o livro causou estranheza devido à sua natureza libidinosa.

Graças a esta obra, Richardson foi incluído no Index Librorum Prohibitorum, que era uma lista criada pelo Papa em 1550 onde nela eram incluídos os textos proibidos para os leitores católicos. Esse Index só seria revogado em 1966.

 

Pamela conta a história de uma jovem criada de 15 anos que sofre as investidas de um patrão aristocrata. Ele, apaixonado, força para que Pamela ceda aos seus encantos. Porém, a jovem Pamela segue firme em suas convicções e virtudes.Processed with VSCO with c3 preset

Compre aqui

Top 5 – Os piores vilões

Depois de criar uma lista sobre as cinco protagonistas femininas mais incríveis, resolvemos criar uma antítese e listar os cinco piores vilões da literatura mundial. Em quase toda história há o personagem com um bom caráter, que se preocupa com os sentimentos dos outros e há também o seu oposto, seu antagonista, aquele que age de maneira cruel e implacável.

Listamos os mais cruéis de todos os tempos (segundo votação da nossa equipe).

diabo2-thumb-800x973-77192        1º lugar – Mefistófeles (Fausto) – Fausto negocia com Mefistófeles viver por vinte e quatro anos sem envelhecer, mas para que isso aconteça, ele entrega sua alma a Mefistófeles. Fausto conhece o amor de Margarida e decide então que não quer mais ir para o inferno, porém Mefistófeles é implacável com o jovem doutor.

Image-of-moriarty

2º lugar – Professor Moriarty (O Problema Final – Contos) – Ele é o antagonista do detetive Sherlock Holmes. O único que talvez tenha uma inteligência que chegue perto da de Holmes ou até mesmo que a supere. Professor Moriarty está por trás de todos os grandes crimes de Londres sem ao menos ter seu nome vinculado a eles. Moriarty chega a tramar a morte de Holmes.

01

3º lugar – Javert (Os miseráveis) – É um personagem metódico e racionalista. Cego pela lei e pela ordem é um homem incapaz de demonstrar qualquer compaixão. Javert é o responsável por infernizar a vida do ex-condenado Jean Valjean. 

21jan2013---marilia-pera-interpretou-juliana-na-minisserie-o-primo-basilio-1988-1358796280341_300x420

4º lugar – Juliana (O primo Basílio) – Ela é a criada da casa de Luísa e é, talvez, a mais complexa personagem da obra de Eça de Queirós. Juliana é uma mulher magra, feia e solteirona que se vê desesperada ao perceber que nuca deixará de ser empregada. Com todo esse amargor gerado por sua condição, Juliana inferniza a vida de Luísa quando descobre que ela trai o marido. As chantagens e malvadezas de Juliana são tão grandes que nos fazem ter dó da pobre Luísa.

Shere-Khan-mogli-menino-lobo

5º lugar – Shere Khan (Mowgli) – É um tigre de bengala que tenta matar Mowgli. A motivação de Khan é clara: ele quer matar Mowgli para que ele não cresça e vire um caçador, ameaçando sua vida na floresta, além, é claro, de querer se deliciar com Mowgli como prato principal. O que faz de Khan um vilão perfeito é a sua calma, ele trata a caçada como algo esportivo, o que não deixa de ser cruel.