Monthly Archive

For dezembro, 2015

Contos de Terror II

E para fechar o ano com chave de ouro, acaba de chegar na editora a continuação da série Contos de Terror, neste Tomo II estão presentes as histórias de seis grandes autores da literatura fantástica: Ambrose Bierce, Elizabeth Gaskell (sim, a nossa grande autora de Norte e Sul também escrevia contos assustadores), Arthur Conan Doyle (que neste conto deixa de lado seu grande personagem, Sherlock Holmes) , Bram Stoker, Charles Dickens e Walter Scott.

Um fato curioso envolve dois autores deste Tomo, Elizabeth Gaskell teve a ajuda de Charles Dickens, de quem era muito amiga, para publicar vários de seus contos fantasmagóricos em sua revista Household Words.

A história da velha babá, o conto de Gaskell presente nessa obra conta a história de uma velha babá, Hester e um acontecimento de sua juventude. Escolhida para trabalhar como babá em uma casa de família rica, Hester, após o falecimento de seus patrões, se vê responsável por continuar cuidando da jovem Rosamond, filha do casal, e levá-la à Casa Senhorial dos Furnivall, onde morava uma tia-avó do pai da pequena. Porém, coisas estranhas começam a acontecer na casa, Hester pode ouvir o som de um órgão sendo tocado, mesmo que o único órgão da casa estivesse quebrado e uma estranha presença passa a atormentar a pequena Rosamond.

Os outros contos do livro são igualmente horripilantes!

No Tomo I, estão presentes Rudyard Kipling, Ambrose Bierce, Lovecraft e Nathaniel Hawthorne, o escritor de A Letra Escarlarte.

O conto de Lovecraft narra a história de um vilarejo que se vê em perigo quando um meteoro cai na propriedade de um dos fazendeiros locais e traz consigo uma estranha aberração cromática que afeta a flora e a fauna da região.

Os dois livros possuem contos que contemplam o que há de mais fascinante na literatura fantástica.

Processed with VSCOcam with c1 preset

 

Contos de terror – Tomo II
Autores:  Elizabeth Gaskell; Arthur Conan Doyle; Bram Stoker; Charles Dickens e Walter Scott
ISBN: 978-85-440-0097-9
Tradutor: Bárbara Guimarães
Paginas: 168
Formato: 14 x 21

Links de compra: Amazon; Livraria da travessa

Parabéns, Jane!!

Hoje é um dia muito especial para o universo da literatura. Nossa querida Jane Austen faz aniversário!!! E para comemorar, vamos falar um pouquinho sobre sua biografia.

Jane Austen nasceu em 16 de dezembro de 1775, em Steventon, uma cidade do condado de Hampshire, na Inglaterra. Ela foi a sétima filha do sacerdote George Austen e Cassandra Leigh. Ao todo a família Austen teve oito filhos, seis meninos e duas meninas, Jane e Cassandra, da qual ela era muito íntima. O retrato mais conhecido de Jane, que se encontra na Galeria Nacional de Arte, em Londres, foi feito por Cassandra. A família Austen possuía uma vasta biblioteca e isso influenciou a pequena Jane, que cresceu apaixonada pela literatura.

Em 1800, George Austen decidiu mudar-se com sua família para Bath e, embora Jane não apreciasse muito o local, foi nessa época que ela conheceu um homem que teria sido seu namorado, porém este moço veio a falecer repentinamente. Especula-se que tal fato possa ter afetado Austen, e muitos consideram este breve namoro como inspiração para a obra Persuasão.

Em 1805, o pai de Jane veio a falecer e isso deixou a família em apuros. Ela, sua mãe e irmã tiveram que se mudar para Chawton, onde seu irmão possuía uma propriedade.

Seu primeiro livro foi escrito quando tinha 17 anos, um romance chamado Lady Susan, e que mais parecia uma paródia do estilo sentimental de Samuel Richardson.

O seu segundo livro, Orgulho e Preconceito tornou-se sua obra mais conhecida, embora, inicialmente, tenha sido rejeitada pelos editores. Jane conseguiu publicar o romance Razão e Sensibilidade, cujo sucesso fez com que a editora publicasse livros anteriores de Jane, que haviam sido recusados. Os sucessos não pararam e vieram mais livros como Mansfield Park e Emma, com um estilo menos ágil e mais humorístico, sem perder a típica ironia austeniana.

Jane Austen faleceu em Winchester, um ano antes de serem publicadas suas grandes obras Persuasão e A abadia de Northanger. Seu poder de observação do cotidiano forneceu-lhe material suficiente para dar vida às suas personagens fortes, mulher determinadas e diferentes de seu meio. A crítica a considera a primeira romancista moderna da literatura inglesa.

Processed with VSCOcam with 7 preset