Monthly Archive

For julho, 2015

O viajante

Este mês, a Martin Claret lança As viagens, o livro do viajante italiano Marco Polo.

14342435

Cena da série Marco Polo do Netflix

Marco Polo deixou Veneza aos 17 anos de idade, juntamente com seu pai e tio. Os três foram os primeiros viajantes ocidentais a percorrer a Rota da Seda, denominação para uma série de rotas interligadas, usadas no comércio da seda entre o Oriente e a Europa. Na China, eles foram recebidos pelo Imperador mongol Kublai Khan, neto de Gangis Khan e fundador da Dinastia Yuan.

As aventuras de Polo foram documentadas em um livro escrito por ele, porém há controvérsias sobre a veracidade desta obra, muitos duvidam que ela tenha realmente sido escrita por Polo, e outros ainda acham que ele simplesmente narrou histórias que ouvira de outros viajantes.

O fato é que suas narrativas e vida inspiraram uma série de adaptações, livros, filmes ou seriados. A última delas é uma série produzida pelo Netflix. A série retrata os primeiros anos do viajante na corte de Khan.

Processed with VSCOcam with c1 preset

Nossa nova edição

 

Autor: Marco Polo
ISBN: 978-85-440-0072-4
Tradutor: Roberto Leal Ferreira
Valor: R$ 19,90
Paginas: 191
Formato: 11,5x18cm

Já disponível na Amazon

 

 

 

 

 

 

Processed with VSCOcam with a6 preset

Miolo da nova edição

 

Perrault

Charles Perrault foi um grande escritor e poeta francês do século XVII. Publicou inúmeras obras, mas ficou conhecido por sua coletânea de histórias infantis, Os contos da Mamãe Gansa, que foi publicada em 1697. Perrault criou os contos de fadas dessa coletânea para divertir seus filhos. Já os contos Chapeuzinho Vermelho, A Bela Adormecida, O Gato de Botas e Barba Azul se tratavam de versões modernas de contos populares já esquecidos. Perrault, assim como os irmãos Grimm, os recriou a sua maneira.

Processed with VSCOcam with c1 preset

Nossa edição

Neste ano, lançamos uma coletânea de contos deste magnífico autor, Histórias ou contos de outrora. Trata-se de uma adaptação em prosa que o próprio autor fez dos Contos da Mamãe Gansa e de outras narrativas presentes no folclore francês.

As obras de Perrault ficaram muito conhecidas após as adaptações para o cinema dos estúdios Walt Disney. Porém o que poucos sabem, é que esses filmes lançados pela Disney são muito adaptados, a essência dos contos de Perrault está lá, mas as alterações são bem grandes, como até mesmo mudanças de finais.

Duas obras de Perrault se destacaram com adaptações da Disney, Bela adormecida e Cinderela (os contos originais se chamam A bela adormecida no bosque e Cinderela ou o sapatinho de vidro).

O final do conto Cinderela de Perrault é diferente do filme, nele suas meias-irmãs a reconhecem como a mais linda do baile e pedem perdão por todas as vezes que a maltrataram. Cinderela perdoa suas irmãs. Depois, com um lindo vestido, ela é levada ao príncipe, e eles se casam. Sendo tão bondosa, Cinderela convida as duas meias-irmãs a irem ao palácio para casá-las com dois fidalgos.A Bela Adormecida

Na versão da Disney, Cinderela é levada ao encontro do Príncipe e alguns dias depois se casam e vivem felizes para sempre.

As diferenças no conto da Bela Adormecida também são bem evidentes. No conto de Perrault, a bela fica adormecida por 100 anos; quem se chama Aurora é na verdade sua filha com o príncipe e, sua sogra, a rainha-mãe nutre uma grande raiva por ela.

A verdade é que não importa que versão você tenha visto ou lido, esse contos sempre fizeram parte do imaginário infantil e continuam encantando crianças e adultos em todo o mundo.

Bônus:

Malévola-MaleficentLançado em 2014, Malévola é um filme baseado no conto da Bela Adormecida, conta a história de Malévola, a protetora do reino dos Moors. Desde pequena, esta garota com chifres e asas mantém a paz entre dois reinos diferentes, até se apaixonar pelo garoto Stefan. Stefan trai Malévola por conta de seus próprios interesses. Malévola torna-se uma mulher vingativa e amarga e decide amaldiçoar a filha recém-nascida de Stefan, Aurora. Porém, aos poucos, Malévola começa a desenvolver sentimentos de amizade em relação à jovem e pura Aurora.

A Garota da Capa Vermelha, filme lançado em 2011, faz uma adaptação do conto Chapeuzinho Vermelhgarota-da-capa-vermelhao. Quando criança, Valerie era apaixonada por seu melhor amigo Peter. Depois de muito tempo, ainda no vilarejo de Daggerhorn, ela se vê apaixonada pelo lenhador em que ele se transformou. Porém, seus pais a prometeram um casamento com Henry, jovem ferreiro. Peter e Valerie planejam fugir, porém descobrem que a irmã dela foi morta por um lendário lobo que aterroriza a vila há anos. O padre Solomon é chamado para terminar com a ameaça e comunica então que o lobo é na realidade um dos habitantes do vilarejo. A garota então entra num dilema, pois desconfia que alguém que ela conheça seja a fera.